MÁRIO DE SÁ CARNEIRO

Mário de Sá-Carneiro, escritor ligado à revista Orpheu e ao modernismo em Portugal, foi amigo de Fernando Pessoa, com quem se correspondia. Ao lado dele, causou polêmica literária ao publicar seu poema futurista “Manucure”. Órfão de mãe aos dois anos, foi marcado por crises financeiras e depressão. Cursou Direito, sem concluir, morou em Paris, onde se suicidou em 1916, aos 26 anos.

Ótima escolha. Ótima leitura

AVENIDA MARQUES DE SÃO VICENTE, 1619

26º ANDAR, CONJ. 2612

BARRA FUNDA – SÃO PAULO -SP​

(11) 3932-5222

2021 © EDITORA DCL - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.​