Conhecendo a Sociologia
A Sociologia faz parte de um grupo denominado Ciências Sociais, que é o estudo lógico da conduta social do ser humano. Originou-se no campo do conhecimento científico como uma relação de ideias que se preocuparam com o que a sociedade moderna destruiu e reconstruiu no processo de elaboração e consolidação dessa mesma sociedade.
Engloba o estudo dos grupos sociais; da divisão da sociedade em camadas; da mudança social; dos procedimentos de colaboração, competição e conflito da sociedade, etc.
Seus métodos de investigação podem ser dar por vias histórica, comparativa, estatística e por meio de estudo de caso.
Charles Darwin criou a teoria da seleção natural: as espécies mais fortes sobreviviam enquanto as mais fracas pereciam por não conseguir se adaptar ao meio ambiente.
Augusto Comte acreditava no poder da ordem social para que a vida coletiva pudesse progredir.
A inscrição “Ordem e Progresso”, registrada na bandeira nacional, foi criada por Comte para destacar a importância da disciplina e da moral como fatores que garantem o desenvolvimento social.
 
O que é sociedade?
Para Rousseau, a sociedade influencia decisivamente o indivíduo. Uma citação famosa de sua autoria é: “Todo homem nasce bom e a sociedade o corrompe”. Ela é uma reunião, um agrupamento de seres que vivem em estado comunitário, em certa faixa de espaço e tempo, segundo normas comuns, escritas e culturais e unidos pelo sentimento de consciência de grupo, mantendo-se, assim, por vontade própria.
A sociedade é um corpo organizado por indivíduos que seguem leis, moral e cultura em todos os níveis de vida social comum.
Para que haja uma sociedade, há o pressuposto da aceitação das regras de convívio extensivas à maioria dos indivíduos e também da tolerância, o reconhecimento de que os indivíduos são diferentes e têm o direito de ser assim.
Uma sociedade é o conjunto de seus indivíduos com seus valores, normas, atitudes, comportamentos e diversas atividades por eles desenvolvidas.
Existem inúmeras sociedades no planeta, cada qual organizada segundo sua cultura própria, modos de agir, pensar e comportar-se e que variam muito de região para região, até mesmo dentro de um mesmo país.
 
Como podem ser explicadas essas diferenças culturais?
Muitos fatores podem influenciar como determinantes desses modos de agir e pensar distintos dentro de um mesmo país.
Essas diferenças, embora aconteçam com muita frequência no interior de um mesmo país, são extremamente perceptíveis se compararmos sociedades diferentes.
Podemos citar como exemplo o Japão, lugar onde a cor que representa o luto é o branco, enquanto que para sociedades ocidentais, como o Brasil, a cor representativa desse acontecimento é o preto.
Outras diferenças significativas são observadas em relação aos comportamentos adotados em sociedade. Nos Estados Unidos, por exemplo, é muito comum comemorar-se o Dias das Bruxas (Halloween), enquanto aqui, no Brasil, as festas juninas são típicas de nossa cultura.